Atualidades

Padre Douglas – A vinha do Senhor é a casa de Israel

Ao escutarmos estas palavras do salmista (Sl 79), também poderíamos dizer, ‘nós somos a vinha do Senhor, nós somos a vinha plantada, cultivada, guardada pelo Senhor. Eu e você, ao longo destas últimas semanas, fomos apresentados à imagem precisa da vinha. Recentemente, o Senhor nos dizia,  “Ide vós, também, para a minha vinha” (Mt 20,4). Na semana passada, o Senhor nos mostrava os dois irmãos, filhos do mesmo pai, que eram enviados para trabalhar na vinha: um disponível, que imediatamente dizia sim, mas não ia pra vinha, e o outro ao contrário, dizia ‘não, eu não vou’ e depois tomava consciência do seu erro e resolvia partir para a vinha do Senhor e trabalhar nessa vinha. Em Mt 21,33-43, Jesus chega ao ponto alto destas parábolas, e nos mostra, mais uma vez, a vinha do Senhor. A vinha que é o povo de Israel. Jesus aqui está, claramente, se dirigindo ao povo do qual Ele mesmo fazia parte, seu povo, o povo de Israel, que se considerava a vinha do Senhor, o povo eleito, o povo de Deus, o povo que o próprio Deus escolheu, conduziu, e continuaria conduzindo ao longo da história. Mas esse povo, escolhido por Deus como a sua vinha, foi um povo também rebelde, foi um povo infiel. Através de Isaías (5,1-7), o Senhor nos dirige a Sua palavra e diz: “Eu esperava uvas boas, e o que recebi? uvas selvagens.” No final, ele diz, “Eu esperava deles frutos de justiça, e eis injustiça, esperava obras de bondade, e eis iniquidade.” O povo de Israel, mesmo que amparado, conduzido pelo Senhor, se tornou um povo infiel. Interessante nos lembrarmos de que eu e você também fomos chamados a fazer parte deste povo, a fazer parte do povo de Deus, da vinha do Senhor, e por isso hoje, nós não podemos escutar esta palavra, achando que a infidelidade é apenas do povo de Israel. Eu e você também podemos nos tornar infiéis, também podemos virar as costas para o Senhor, também podemos deixar de produzir frutos bons, frutas boas. O evangelho mencionado acima nos mostra, claramente, como Deus fez com este povo e a sua vinha. Deus não só conduziu este povo, mas colocou seus representantes para orientar, pra conduzir este povo. E por isto, o evangelho nos mostra que Deus envia os seus empregados para pedir contas aos vinhateiros. É a imagem clara do povo que foi conduzido pelos patriarcas, pelos juízes, pelos reis, pelos profetas, e mesmo assim, foi um povo que foi se rebelando contra os representantes de Deus. E depois, o dono da vinha, o próprio Deus resolve enviar o seu Filho e ainda pensa: ‘ao meu filho eles vão respeitar’. E o que fez este povo? Matou o próprio Filho de Deus, matou o herdeiro. Por quê? Porque esse povo se sentia dono da vinha, esse povo se sentia proprietário, achava que a vinha era dele. Se olharmos bem, meus irmãos, esta palavra cai perfeitamente, em nossa vida, hoje. Nós, como a vinha do Senhor, como a Igreja do Senhor, como seu povo, também somos questionados. Até que ponto nós não estamos achando que a vinha é nossa? é propriedade nossa? Quantas vezes nós escutamos pessoas dizendo “fulano parece dono da igreja, dono da paróquia”. Quem é o dono da Igreja? Sou eu? Você? Nenhum de nós… todos nós somos vinhateiros, todos nós estamos cuidando da vinha que não é nossa. Não somos proprietários, não temos direito, como o dono tem direito, na sua vinha. Ao mesmo tempo, essa palavra nos faz lembrar algo interessante que às vezes, passa despercebido por nós. Esses vinhateiros vão e atacam aqueles que o próprio dono da vinha envia. Vejam se não é a imagem daquilo que hoje nós vivemos? Quantas vezes o Santo Padre hoje é atacado por homens e mulheres de dentro da Igreja! Quantas vezes os nossos bispos são atacados, quantas vezes nós, padres, somos atacados, por gente de dentro da Igreja… O que no fundo está acontecendo? O mesmo que o evangelho acabou de nos mostrar: são pessoas que se sentem donas da vinha, proprietárias da vinha, que querem dominar, que querem fazer a sua vontade. E muitas vezes não vão apenas contra o padre, contra o Papa, contra os bispos, contra os sacerdotes, mas vão contra o próprio Senhor, a sua Palavra, o que Ele nos pede e se rebelam contra o Senhor. Querem fazer não mais parte da vinha do Senhor, mas da sua própria vinha, querem fazer da Igreja não mais a Igreja do Senhor, mas a sua igreja, nos seus moldes, nos seus esquemas, com as suas vontades e seguindo seus critérios (Gl 1,11s). E por isso, o trecho de Isaías nos lembra, com toda clareza, que Deus então, deixa esta vinha. É uma palavra forte de juízo contra nós, contra nós que nos rebelamos contra o Senhor. Mas é tão expressiva a Palavra, que o Salmo 70 mostra a possibilidade que temos de nos arrepender, de pedir ao Senhor que nos converta, que volte a cuidar de nós, que volte a guardar a sua vinha. O salmista declara: “Foi a vossa mão direita que a plantou, protegei-a e ao rebento que firmastes! Voltai-vos para nós, Deus do universo! Olhai dos altos céus e observai. Visitai a vossa vinha e protegei-a!” É uma palavra de súplica, de reconhecimento que nós erramos, que nós falhamos, que nós nos tornamos infiéis, que nós não seguimos o que o Senhor esperava de nós! E o salmista continua: “E nunca mais vos deixaremos, Senhor Deus! Dai-nos vida e louvaremos vosso nome! Convertei-nos, ó Senhor, Deus do universo e sobre nós iluminai a vossa face”! E termina o salmista: “Se voltardes para nós, seremos salvos!” É a consciência clara do povo de Deus que se reconhece agora, necessitado de voltar, necessitado de se converter, necessitado de se unir, cada vez mais, à pessoa de Jesus Cristo, para produzir muitos frutos, para cumprir aquilo que o próprio Jesus havia dito no cap. XV do […]

O post Padre Douglas – A vinha do Senhor é a casa de Israel apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Santa Margarida Maria Alacoque

Deus suscitou este luzeiro, ou seja, portadora da luz, que é Cristo, num período em que na Igreja penetrava as trevas do Jansenismo (doutrina que pregava um rigorismo que esfriava o amor de muitos e afastava o povo dos sacramentos). O nome de Santa Margarida Maria Alacoque está intimamente ligado à fervorosa devoção ao Sagrado […]

O post Santa Margarida Maria Alacoque apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

28ª Semana do Tempo Comum – Sexta-feira

Primeira Leitura: Efésios 1,11-14 Leitura da carta de São Paulo aos Efésios – Irmãos, em Cristo nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados a ser, para o louvor de sua glória, os que de antemão colocaram a sua esperança em Cristo. Nele […]

O post 28ª Semana do Tempo Comum – Sexta-feira apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Bispos enviam mensagem para as eleições 2020

Há um mês das eleições municipais 2020 e inspirados na imagem do Bom Samaritano e nos ensinamentos do Papa Francisco que nos diz “a política é uma sublime vocação,  é  uma das formas mais preciosas da caridade, porque busca o bem comum”, os bispos do Estado do Rio de Janeiro divulgam mensagem ao povo fluminense com o intuito de oferecer alguns elementos que possibilitem a reflexão  madura sobre o exercício consciente da sua responsabilidade cristã e cidadã na construção do bem comum. Íntegra do Regional Leste 1 

O post Bispos enviam mensagem para as eleições 2020 apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

DNJ 2020 é destaque na Rádio Anunciadora e Redes Sociais da Arquidiocese

Neste domingo, dia 18 de outubro, o Setor Juventude e o Setor de Comunicação da Arquidiocese de Niterói destacam a transmissão do Dia Nacional da Juventude (DNJ) 2020 que, devido à pandemia do coronavirus, será totalmente online. As transmissões serão feitas do Seminário Arquidiocesano São José, e os jovens poderão acompanhar pelas Redes Sociais do Setor Juventude ou pelas Redes Sociais da Arquidiocese de Niterói. O Setor de Comunicação da Arquidiocese de Niterói vai transmitir os momentos principais do encontro, além de ter um especial, durante a programação.  Também estará disponível, em momentos específicos, a participação dos telespectadores e radiouvintes. Confira a programação: 10h – Palestra sobre tema 11h20 – Destaque Setor de Comunicação 11h:30min – Santa Missa 15h20 – Destaque Setor de Comunicação 15h30 – Adoração 16h50 – Destaque Setor de Comunicação 17h – Show Principal (parte até às 17h55) 17h55 – Destaque Setor de Comunicação 18h – Santa Missa da Paróquia Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora dos Remédios – Arraial do Cabo Para acompanhar a cobertura especial, basta acessar o portal, https://arqnit.org.br ou o site da Rádio Anunciadora, https://radioanunciadora.org.br. Para acompanhar as imagens, acesse o site da Arquidiocese: https://arqnit.org.br ou o YouTube da Arquidiocese de Niterói em https://youtube.com/arqnit, ou veja através das Lives do Facebook:  https://fb.com/arqnit, https://fb.com/radioanunciadora ou https://fb.com/juventudeniteroi. Por João Dias Arte: Setor Juventude com Thiago Maia

O post DNJ 2020 é destaque na Rádio Anunciadora e Redes Sociais da Arquidiocese apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Outubro Rosa: conscientização, tratamento e apoio à mulher e aos familiares

A campanha Outubro Rosa é realizada durante todo o mês de outubro.  Neste ano, a campanha quer mais uma vez reforçar a importância do diagnóstico precoce da doença. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), cerca de 30% dos casos poderiam ser evitados, com atitudes simples, como: atividades físicas, alimentação saudável, peso ideal, além de evitar o consumo de bebidas alcóolicas e cigarro. Para a Assistente Social, Bárbara Leal, o principal é a conscientização, o tratamento e o apoio a mulher e aos familiares. O Outubro Rosa é uma campanha de conscientização, realizada por diversas entidades, no mês de outubro, dirigida à sociedade e às mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. O movimento começou a surgir em 1990, na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, e desde então, promovida anualmente na cidade. Entretanto, somente em 1997 é que entidades das cidades de Yuba e Lodi, também nos Estados Unidos, começaram a promover atividades voltadas para o diagnóstico e prevenção da doença, escolhendo o mês de outubro como epicentro das ações. Hoje, o Outubro Rosa é realizado em vários lugares. Bárbara Leal destaca que: “O Outubro Rosa é um movimento internacional, criado na década de 1990, que tem o objetivo de disseminar informações sobre o câncer de mama e, mais recentemente, de colo de útero, e promover debates quebrando possíveis “tabus” em torno do tema, pois entendemos que a informação é um passo importante e primordial para a prevenção e a produção da saúde”, disse ela, em entrevista à redação do Jornal Niterói Católico, e completou: “A campanha tem o objetivo de atuar na prevenção dos riscos, na luta por tratamentos de qualidade, contribuição para promoção de serviços com diagnósticos precoces e na redução da mortalidade ocasionada pela doença.”. A Assistente Social informou ainda que: “O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres, chegando a 29% dos casos no Brasil. Por isso, a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) tem chamado as mulheres a corresponderem a um estilo de vida cada vez mais saudável, com a prática de atividades físicas e boa alimentação, entre outros temas importantes na prevenção”, e acrescentou: “É necessário estar atenta aos sintomas amplamente divulgados e buscar avaliação e exames médicos, como medidas de prevenção. Um diagnóstico precoce é um bom aliado nesta luta!”. Bárbara Leal concluiu, lembrando a importância do apoio à mulher e aos familiares, dizendo: “Sem dúvida a rede de apoio às mulheres diagnosticadas com a doença é fundamental. A família é uma grande aliada neste apoio, porém muitas vezes também acaba fragilizada necessitando de suporte. É importante buscar apoio em suas redes comunitárias, amigos e também ajuda de profissionais, nas unidades de saúde e/ou organizações não governamentais, que oferecem assistência e suporte a mulheres com câncer”, finalizou a Assistente Social, agradecendo a oportunidade de falar sobre a temática ao Jornal Niterói Católico. Por João Dias Foto: Arquivo

O post Outubro Rosa: conscientização, tratamento e apoio à mulher e aos familiares apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Administrativo da Arquidiocese alerta paróquias para golpe Internet Bank

O setor administrativo da Mitra Arquidiocesana de Niterói emitiu um comunicado às paróquias sobre um possível golpe, no qual o gerente administrativo Arilton Pinheiro descreve: Prezados Sacerdotes, Boa Tarde!!! Assunto: Novo Golpe – Internet Bank – Bradesco Infelizmente, estamos sendo alvo de mais um golpe no mercado. Estamos recebendo ligação de um suposto SUPORTE DO BANCO BRADESCO, informando que existe uma atualização a ser feita juntamente ao computador que acessa o sistema do Banco. Pedimos a fineza de não liberar o acesso remoto a este suposto SUPORTE DO BANCO BRADESCO NET EMPRESA DIGITAL. Informamos que o BANCO BRADESCO não efetua nenhuma ligação, solicitando este tipo de serviço junto aos seus CLIENTES. Agradecemos a colaboração e atenção de todos!!! Arilton Pinheiro da Silva Gerente Administrativo da Mitra Arquidiocesana de Niterói

O post Administrativo da Arquidiocese alerta paróquias para golpe Internet Bank apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »

Paróquia Sagrado Coração de Jesus em Arraial do Cabo recebe Arcebispo

O Arcebispo Metropolitano de Niterói, Dom José Francisco, a cada domingo está visitando uma comunidade diferente da Arquidiocese, para a celebração dominical. Desta vez, a visita do Senhor Arcebispo será na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, no Centro de Arraial do Cabo, Região dos Lagos, no Estado do Rio de Janeiro. A Santa Missa do 29º Domingo do Tempo Comum será transmitida, ao vivo, pela Rádio Anunciadora, e pelo Facebook e YouTube, dia 18 de outubro às 18h. Participe da Santa Celebração, com Dom José Francisco, no dia18 de outubro, através do site: https://arqnit.org.br, https://radioanunciadora.org.br, https://fb.com/arqnit, https://fb.com/radioanunciadora ou https://youtube.com/arqnit. Você também pode assistir aqui: Por João Dias Arte: Thiago Maia 

O post Paróquia Sagrado Coração de Jesus em Arraial do Cabo recebe Arcebispo apareceu primeiro em Arquidiocese de Niterói.

Leia Mais »